Sono de má qualidade durante a infância pode causar problemas no futuro

Imagem de capa: Autor desconhecido, extraída da internet

Traduzido e adaptado de Neuroscience News

Um estudo coordenado por um pediatra do Hospital Geral de Massachussets evidenciou que crianças com entre 3 e 7 anos de idade que não dormem o bastante são mais propensos a ter problemas de atenção, de relacionamento e controle emocional em anos posteriores. Publicado no periódico Academic Pediatrics, o estudo encontrou diferenças significativas nas respostas de pais e professores a questionários sobre funções executivas – o que inclui atenção, memória de trabalho, racionalização e solução de problemas – e problemas comportamentais em crianças de 7 anos dependendo de quanto sono elas tiveram regularmente durante anos anteriores.

“Descobrimos que crianças que dormem pouco durante a pré-escola e ensino fundamental têm um maior risco de função neurocomportamental insuficiente por volta dos 7 anos de idade”, diz Elsie Taveras, médica, mestra em saúde pública, diretora de Pediatria Geral no Hospital Geral Infantil de Massachussets, coordenadora do estudo.

Como em estudos anteriores desse grupo que examinaram o papel do sono em diversas áreas da saúde infantil, o presente estudo analisou dados do Project Viva, uma investigação de longo prazo dos impactos de diversos fatores durante a gravidez e após o nascimento. Informações utilizadas neste estudo foram obtidas de mães em entrevistas, quando seus filhos tinham 6 meses, 3 anos e 7 anos, e de questionários respondidos quando as crianças tinham 1, 2, 4, 5 e 6 anos de idade. Além disso, mães e professores receberam questionários que avaliavam cada função executiva e problemas comportamentais das crianças – incluindo sintomas emocionais e problemas de conduta ou de relacionamento com outras pessoas, quando as crianças tinham por volta de 7 anos.

Dentre 1046 crianças que participaram do Project Viva, a equipe de pesquisadores determinou quais crianças não estavam recebendo a quantidade recomendada de sono por faixa etária – 12 horas ou mais entre 6 meses e 2 anos, 11h ou mais entre 3 e 4 anos e 10h ou mais entre 5 e 7 anos. Crianças vivendo em famílias com renda menor e mães com menor escolaridade eram mais propensas a dormir menos que 9h entre 5 e 7 anos de idade. Outros fatores associados com sono insuficiente incluem ver muita televisão, maior I.M.C e ser afro americano.

sobre-o-autor-gabriel-deschamps

Anúncios