Sono Ruim Pode Dificultar Emagrecimento

Uma baixa duração ou qualidade de sono pode influenciar na sua capacidade de perder peso. Essa é uma das conclusões do Predimed-Plus Study, Prevention with the Mediterranean Diet, publicado na edição de Junho do International Journal of Obesity. É o primeiro estudo a examinar se a qualidade do sono é relacionada com perda de peso e uma redução do tecido adiposo.

No seu estudo, os pesquisadores da Unidade de Nutrição Humana da Rovira i Virgili University, em colaboração com outros grupos de pesquisa, avaliaram as mudanças de peso e adiposidade – ou seja, gordura corporal – dos quase 2 mil indivíduos que participaram do estudo por um ano inteiro; todos eles apresentavam sobrepeso, obesidade e síndrome metabólica. Os pacientes seguiram um intenso programa de intervenção em seus estilos de vida que havia sido desenvolvido para promover perda de peso. Ele era baseado em uma dieta Mediterrânea de baixa calorias, atividade física e terapia comportamental. Os pesquisadores observaram que os indivíduos com padrões de sono muito variáveis no começo do estudo – ou seja, que não dormiam o mesmo número de horas todas as noites – perderam menos peso ao final dos 12 meses. Pior: uma alta variabilidade de sono, e pouco sono – menos de 6 horas por dia – foram fatores associados com uma menor redução no índice de massa corporal e circunferência da cintura.

Esses resultados mostram que adotar medidas para alcançar um padrão adequado de sono pode ter um impacto na manutenção do peso corporal correto e na prevenção de doenças metabólicas relacionadas ao excesso de gordura corporal.

Traduzido e adaptado de: https://www.eurekalert.org/pub_releases/2019-06/uriv-ssd062819.php

Siga o Mural também no Youtube, no Facebook, no Twitter e no Instagram

Anúncios