Novas reflexões sobre a realidade brasileira

Imagem de Capa: Autor desconhecido, extraída da internet.

A FUNARTE lançou no início de fevereiro quatro volumes da coleção Ensaios Brasileiros Contemporâneos. A forma dos textos é o ensaio o que privilegia e reforça a tradição acadêmica brasileira na produção de textos críticos ao mesmo tempo os temas rompem o rigor acadêmico.

As áreas/temas desses quatro primeiros volumes são: Cidades, Música, Problemas de Gênero e Indisciplinares. Em Cidades, os ensaios refletem sobre as grandes cidades brasileiras como Rio de Janeiro, São Paulo, Belém mas não deixam de lado as pequenas cidades, aliando teoria e liberdade de pensá-las  sem o vínculo necessário com a academia.

No volume Música, os ensaios tratam de maneira ampla a música brasileira, para além do samba, do tropicalismo e da bossa nova. Há reflexões sobre a canção brasileira em sua multiplicidade e importante papel popular. Os ensaios também discutem os diversos gêneros musicais de todo o Brasil procurando romper com a tríade samba-tropicalismo-bossa nova, assim há ensaios sobre hip-hop, sertanejo, música eletrônica.

Em Problemas de Gênero, segundo sua organizadora, Carla Rodrigues, os ensaios procuram abordar o gênero em sua diversidade sem representar definitivamente tudo o que se pesquisa nesse campo e suas autoras mais canônicas. Nos textos cada mulher representa a si e sua própria história ou sua condição e, no entanto, elas também representam a construção da história e luta das mulheres.

Indisciplinares, para o organizador desse volume, Eduardo Socha, acolhe ensaios críticos sobre temas que não se enquadram em critérios acadêmicos vigentes, mas problematizam de maneira sensível fragmentos da realidade brasileira que passam despercebidos tanto para a sociedade quanto para a academia.

Estão previstos a publicação de outros cinco volumes: Artes Visuais, Filosofia, Literatura, Política e Psicanálise (N.E.: Cujo caráter científico, vale lembrar, é muito contestado).

Imperdível, a coleção amplia a reflexão sobre o Brasil a partir de temas e perspectivas diversas e muitas vezes inusitadas, ampliando os campos científicos e a interdisciplinaridade entre eles.

Fonte: FUNARTE

sobre-o-autor-maria

Anúncios